SERRA GRANDE/RORAIMA-BRASIL/2012.

Uma aventura que começou saindo de Manaus de ônibus até a rodoviária de BOA VISTA/RR
Após uma noite acampado na rodoviária, segui rumo a Serra Grande, passando pela ponte dos Macuxis, atravessa o Rio Branco, ligando a capital Boa Vista aos municípios do Cantá, Bonfim e Normandia, com 1.200 metros de extensão, (ao fundo a SERRA GRANDE).
Nesta caminhada tinha duas opções seguir pela estrada até Cantá, o que não e aconselhavel, pois a estrada não possui acostamento, optei em seguir pela vicinal do Haras, percurso mais longo, porém menos ariscado.
No caminho um riacho e uma pausa para o almoço
Ao fundo a Serra Grande, foi uma caminhada de 10 horas, saindo da rodoviária até a vila SERRA GRANDE, local pacato de gente simples.
Na trilha para a base da serra, encontramos esta arvoré centenária.
Uma subida repleta de obstáculos, tivemos que em alguns trechos abrir uma trilha, pois estava fazendo um ano que o guia tinha subido.
Uma pausa para tomar água.
Na metada do caminho se tem uma vista belissima, quero agradecer aos irmãos, (guias) MARCIO e GLEIDIVALDO que juntos e abrindo trilha chegamos ao topo.
 Companheiro de aventuras.
Meu Deus obrigado por mais uma aventura bem sucedida, um abraço ao Coronel Paulo Sergio, aos guias MARCIO e GLEIDIVALDO, aos colaboradores e Amigos Dr. Mario Souza e Dr.Jocil Moraes a minha familia por aceitar este lado aventureiro, não passamos o natal juntos porém estavamos unidos em nossos corações e pensamentos, fica a dica vale apena aventurar-se na SERRA GRANDE.

FELIZ NATAL.

Quero desejar um FELIZ NATAL a todos os meus amigos, patrocinadores e a minha familia, um ano de aventuras, dificuldades, momentos felizes, um ano marcado pela união e fé em Deus e a certeza de sua presença sempre, um natal diferente, sigo rumo a SERRA GRANDE/RR, que DEUS me proteja e me guie nesta aventura, minha familia AMO vocês e obrigado por me aceitar deste jeito.

Feliz Natal e prospero Ano novo


MOMENTO DE AGRADECIMENTO.

Após mais um dia de treino, uma parada para agradecer a Deus por está sempre ao meu lado me guiando nestas aventuras, Maria passa na minha frente e resolve o que não tenho força para resolver.

CAMINHO DAS PEDRAS.

MONTE RORAIMA.

Ponto de Partida para uma grande Aventura.

Um Sonho.


A desafiadora Trilha da Serra Grande em Roraima.


O município de Cantá, a 38 quilômetros da capital de Roraima, Boa Vista, abriga um local propício para quem busca desafios e aventuras em meio a uma floresta tropical: a Serra Grande. O visitante encontrará uma trilha íngreme, terá que caminhar e saltar sobre troncos, pedras, cruzar riachos e ter muita disposição para aguentar as cerca de quatro horas até os 923 metros do topo.

Para chegar até o local, é necessário se deslocar pela BR 401, RR 206 e pela Vicinal do Rio Branco até chegar à casa de Dona Juliana, às margens de um refrescante Igarapé e de convidativas redes. O trecho inicial da caminhada segue por áreas planas na base da floresta, sem nenhum nível de dificuldade e se mostra apenas como um aquecimento para a musculatura.

A primeira das quatro fases já começa com travessia de riachos, mas ainda pode ser percorrida por iniciantes no trekking e pessoas que querem admirar as paisagens de uma floresta tropical. A passos rápidos, são cerca de 15 minutos até se chegar numa grande pedra, de onde é possível avistar o pé da serra, local onde os guias estabelecem como a divisa para a segunda parte.

Início de verdade - A partir deste ponto é que começa de verdade a inclinação e é o momento de poupar energias para encarar uma mata mais fechada, com pedras soltas, galhos e troncos caídos pelo caminho. A respiração ofegante passa a ser uma constante nos cerca de 20 minutos até a próxima transição.

Um riacho que corre ao lado da pedra convida para um banho, mas não há tempo para refresco, mesmo que a umidade alta e o calor castiguem os viajantes, pois cada minuto desperdiçado significa um atraso na chegada ao topo. O guia avisa que terminou o parque de diversões e recomenda aos menos condicionados que fiquem na área e aproveitem para descansar. Começa o pior trecho.

“Essa é a parte considerada mais difícil, a partir de agora será casca grossa”, avisa Lula, um dos guias acostumados a levar grupos para a região. Neste momento os meninos distinguem-se dos homens e é necessária muita concentração, pois um passo em falso pode custar caro na hora de saltar entre uma pedra e outra. Os braços e as mãos passam a ser mais exigidos e a solidariedade entre os presentes é cada vez mais necessária.

Domingo de muitas pipas e papagaios.

Tenda do Coyote Pipas, homenagem ao futuro prefeito de Manaus dos pipeiros.

Pipa toquinho. Lançamento do Coyote Pipas.
Pipa de neon. Coyote pipas.







Valeu a todos os amigos pipeiros (:
Domingo se Deus quiser tem mais!

PIPA BRINCADEIRA QUE RESISTE AO TEMPO.

PAPAGAIO/PIPA, Uma brincadeira de criança que resiste ao tempo.
Tenda das PIPAS-PARQUE 10.
PIPEIROS.
Coyote Pipas.
FELIPE,Rei da Raia e do Peixinho.
Hora de começar o Combate.
PAULINHO VIANA, Boi Caprichoso, na Tenda do coyote Pipas.
Coronel e seu filho, pipeiros em familia.
Final de semana tem mais, Coyote pipas, Valeu a força.

القوة والإيمان بأن الله يحميني. *

                                                    Tirando o Skate, este é o material que vou levar para o deserto do Saara, alimento, medicamento, barraca, saco de dormir, garrafas termicas pra água, roupa pra Calor e frio, uma bola pra tentar jogar uma partida de futebol com alguma tribo, figurinhas da seleção Brasileira, sandalias e camisas do brasil, vale tudo pra que está aventura seja tudo tranquilo.
                                           A aventura começa na ida pra São Paulo, vou passar um dia no aeroporto, 11 horas de voo para FRANKFURT, mais um dia no aeroporto, a noite uma viagem para Tunisia, mais uma noite no aeroporto, para poder começar a aventura, nada de Hotel, até porque e uma aventura e a grana e curta, bolacha, miojo, caldo de feijão, barra de cereal e pão com agua. FORÇA E FÉ QUE DEUS ME PROTEJA.*