Uma longa trajetória.

Imagem
  Em 1977, comecei a treinar Judô, na Academia Tang Soo Do Center, com os professores Mike, Tetsuo e Tikara, localizada na rua Ramos Ferreira, hoje funciona o Fórum Trabalhista de Manaus, onde sou Servidor Público. O tempo foi passando , uma época onde brigas eram constantes, um dia em uma lanchonete conheci o Aly Almeida, que me fez um convite pra treinar no Olímpico Clube, apesar de não ser bem visto pela maioria dos alunos, aceitei. Lembro o primeiro dia de treino de uma lado COG-CENTRO OLÍMPICO DE GINASTICA, do outro lado a academia de JIU-JITSU, apesar de vim do Judô tudo era novidade, primeiro por ter que encarar algumas feras que ali treinavam, Alfredo Jacauna, Luiz Alberto, Bidida, Gula, Casio Façanha, Paulinho peixe, Nilberto, Galdino e tantos outros. O tempo foi passando , Fiz parte da primeira turma de (PARAQUEDISTAS DO OLÍMPICO CLUBE). O tempo foi passando , fui treinar na academia do professor Luiz Fonseca no Conjunto Débora, uma época difícil, porem a vontade de trein

ANFITEATRO DE EL JEM/TUNÍSIA.

                                                        O Anfiteatro de El Jem (ou de Thysdrus, em língua púnica) é o maior coliseu do norte de ÁFRICA, e o maior do mundo a seguir ao de ROMA. Situa-se a cerca de 200 km a sudeste de TUNIS/TUNISÍA. A grande atração da cidade é seu bem conservado anfiteatro, que permite conhecer de perto os bastidores de lutas e competições do antigo império romano. Após um passeio pelas arquibancadas do edifício construído em 230 DC, a visita às catacumbas, antigas prisões nos subterrâneos e jaulas de animais, chega a assustar.

Mais conservado e menos conhecido que o de Roma, o coliseu de El Djem é um dos pontos altos da visita à Tunísia e faz parte da lista de monumentos do Patrimônio Mundial. Fica a 210 km da capital Túnis, entre Sousse e Sfax.
                                                       O enorme anfiteatro construído no sec.III, entre 230 a 238, por ordem do oficial Gordian, que podia acomodar 35 mil espectadores.
                                                            Foi inscrito pela UNESCO, em 1979, na lista dos locais ou monumentos que são PATRIMÓNIO DA HUMANIDADE.
                                                          O coliseu tem um comprimento de 148 metros por 122 metros de largura, com uma altura de cerca de 35 metros.
                                                       Parte da sua muralha desapareceu em 1965.
                                                       As pedras usadas para construir o coliseu foram transportadas de Salakta, a 30 quilómetros. Em 238 a construção do colioseu parou devido à morte de Gordian.
                                               Nas proximidades do anfiteatro se vende de tudo.

                                                  Nas cores das casas o prodominante é o AZUL.
                                                     Em uma visita a TUNIS/TUNISIA, vale apena conhecer este ANFITEATRO.      

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

De MANAUS para MANACAPURU.

Uma longa trajetória.

ENERGÉTICO NATURAL.

"Os Passos de Anchieta" 100 quilômetros entre Anchieta e Vitória.

RECEITA DA VOVÓ, remédios caseiros.