Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2013

PICO DA NEBLINA E 31 DE MARÇO.

Imagem
Em Março, se Deus permitir Coyote aventurando-se pelo mundo segue rumo a Serra do Imeri, extremo norte do estado do Amazonas em São Gabriel da Cachoeira onde localiza-se o Pico da Neblina e o 31 de Março. PICO DA NEBLINA, tem este nome face o mesmo encontar-se quase o ano todo encoberto por uma espessa neblina, foi descoberto na década de 1950, pelo comandante Mario Jucá, da extinta Panair do Brasil, quando sobrevoava a região, em um ramo momento que não estava encoberto, a primeira expedição brasileira  ao pico aconteceu em 1964, porém não chegou ao cume, a segunda foi em 1965 comandada pelo General ERNESTO BANDEIRA COELHO chegando ao topo do pico. É o ponto mais alto do Brasil, porém uma nova medição realizada com ajuda de um GPS, aponta que o pico tem 2.993.8metros, menos 20.3metros mais baixo do que se imaginava. (Para os venezuelanos já era conhecido como CERRO JIMÉ, e foi conquistado em 1954 por uma expedição comandada por WILLIAM PHELPS, e em sua homenagem, o pico as vezes e cha

PICO DA NEBLINA E 31 DE MARÇO.

Imagem
Em Março, se Deus permitir Coyote aventurando-se pelo mundo segue rumo a Serra do Imeri, extremo norte do estado do Amazonas em São Gabriel da Cachoeira onde localiza-se o Pico da Neblina e o 31 de Março. PICO DA NEBLINA, tem este nome face o mesmo encontar-se quase o ano todo encoberto por uma espessa neblina, foi descoberto na década de 1950, pelo comandante Mario Jucá, da extinta Panair do Brasil, quando sobrevoava a região, em um ramo momento que não estava encoberto, a primeira expedição brasileira  ao pico aconteceu em 1964, porém não chegou ao cume, a segunda foi em 1965 comandada pelo General ERNESTO BANDEIRA COELHO chegando ao topo do pico. É o ponto mais alto do Brasil, porém uma nova medição realizada com ajuda de um GPS, aponta que o pico tem 2.993.8metros, menos 20.3metros mais baixo do que se imaginava. (Para os venezuelanos já era conhecido como CERRO JIMÉ, e foi conquistado em 1954 por uma expedição comandada por WILLIAM PHELPS, e em sua homenagem, o pico as vezes e