Postagens

Mostrando postagens de julho, 2014

Uma longa trajetória.

Imagem
  Em 1977, comecei a treinar Judô, na Academia Tang Soo Do Center, com os professores Mike, Tetsuo e Tikara, localizada na rua Ramos Ferreira, hoje funciona o Fórum Trabalhista de Manaus, onde sou Servidor Público. O tempo foi passando , uma época onde brigas eram constantes, um dia em uma lanchonete conheci o Aly Almeida, que me fez um convite pra treinar no Olímpico Clube, apesar de não ser bem visto pela maioria dos alunos, aceitei. Lembro o primeiro dia de treino de uma lado COG-CENTRO OLÍMPICO DE GINASTICA, do outro lado a academia de JIU-JITSU, apesar de vim do Judô tudo era novidade, primeiro por ter que encarar algumas feras que ali treinavam, Alfredo Jacauna, Luiz Alberto, Bidida, Gula, Casio Façanha, Paulinho peixe, Nilberto, Galdino e tantos outros. O tempo foi passando , Fiz parte da primeira turma de (PARAQUEDISTAS DO OLÍMPICO CLUBE). O tempo foi passando , fui treinar na academia do professor Luiz Fonseca no Conjunto Débora, uma época difícil, porem a vontade de trein

A VIDA DE COYOTE.

Imagem

FELIZ DIA DO AMIGO.

Imagem
Quem tem um amigo, mesmo que um só, não importa onde se encontre, jamais sofrerá de solidão; poderá morrer de saudades, mas não estará só. FELIZ DIA DO AMIGO.

TREINO.

Imagem
O treino começou saindo do Parque 10 as 12:00hs, rumo ao Cacau Pirêira, uma caminhada longa que contou com a ajuda do sol. Seguindo pela Pedro Teixeira, ao fundo a Arena da Amazônia. Uma pausa`para um lanche. Um visual belíssimo sobre a Ponte Rio Negro. O Coyote não é de ferro, um mergulho para refrescar. Após 4:30 de caminhada cheguei no Cacau Pirêira, peguei está voadeira e seguir para o porto de São Raimundo. A caminhada continua, dobre a Ponte de São Raimundo até a Rua Epaminondas para pegar um ônibus e retornar para casa. Chega ao fim mais um treino. Obrigado meu Deus.

TEPUY CHIRIKAYEN-VENEZUELA.

Imagem
Após 06hs de caminhada, saindo do povoado de CHIRIKAYEN, começamos a subida ao topo do Tepuy. O ideal e fazer o Trekking em um dia e acampar na base da montanha, levar 02 vidros de repelex. Chirikayen e um Tepuy com 1.650m de altura. No caminho tivemos que da uma parada, pois caiu uma chuva forte e não dava para prosseguir. A dica e leva uma mochila pequena, pois os paredões são muitos íngremes, tornando perigoso a subida. Ao fundo o Guia Darnis indígena e morado do povoado de Chirikayen. Já estávamos quase no topo, montamos o acampamento para almoçar, o cardápio foi tapioca recheada com farofa de sardinha e água uma delicia......durante a noite caiu uma chuva forte e o frio foi grande.  No caminho podemos observar a flora única como plantas carnívoras e uma grande plantação de bromélias.  Finalmente chegas ao topo uma paisagem belíssima. Com o mascote companheiro de aventuras (coyote). Sobre o Tepuy o que resto

Postagens mais visitadas deste blog

De MANAUS para MANACAPURU.

Uma longa trajetória.

ENERGÉTICO NATURAL.

"Os Passos de Anchieta" 100 quilômetros entre Anchieta e Vitória.

RECEITA DA VOVÓ, remédios caseiros.